25 de novembro, 2020

MESA: ACESSIBILIDADE AUDIOVISUAL: Desafios e experiências na região

No dia 22 de novembro, dentro da programação da 35ª edição do Mar del Plata Film Festival /INCAA, foi realizada a Mesa "ACESSIBILIDADE AUDIOVISUAL: Desafios e experiências na região". Esta mesa, em formato virtual, foi promovida pela RECAM com o objetivo de conscientizar sobre a Acessibilidade Audiovisual e compartilhar as iniciativas que cada participante está realizando, promovendo assim um intercâmbio de experiências regionais.

Os participantes foram propostos pela RECAM com base nas ações que o organismo realiza, tais como o Concurso de Boas Práticas da Sociedade Civil em AA e os prêmios para a melhor obra Mercosul que recebem uma versão acessível para pessoas cegas e deficientes auditivas.

As apresentações focalizaram nos eixos o que é Acessibilidade Audiovisual, quais são os recursos acessíveis, o lema "Nada sobre nós sem nós", as facilidades que as tecnologias podem oferecer e uma visão sobre as oportunidades de integração regional. Os participantes agradeceram ao INCAA, ao festival e a RECAM por estes espaços que geram visibilidade e maior acesso aos cidadãos.

A Mesa foi legendada em espanhol e com interpretação simultânea em Língua de Sinais Argentina-espanhol e está disponível no Canal do Festival até 29 de novembro.

PAINELISTAS

Marilha Naccari - Florianópolis Audiovisual MERCOSUL

Diretora de programação Florianópolis Audiovisual MERCOSUL, festival com 24 edições. Curadora e júri de mais de 30 eventos em vários países da região. Voluntária em instâncias de interesse público. Diretora do Congresso Brasileiro de Cinema e Presidente da Cinemateca Catarinense. Foi Presidente do Fórum dos Festivais Nacionais e Conselheira do Fundo Municipal de Cinema de Florianópolis. É professora universitária de cinema, deu palestras sobre festivais na América Latina e é avaliadora de projetos internacionais.

Alejandra Gossio - UNCU

Presidenta da União Nacional de Cegos do Uruguai. Masoterapeuta e terapeuta da medicina tradicional chinesa. Primeira bailarina cega de candombe (Laluma), fundadora do Balelé, o primeiro grupo inclusivo do Uruguai. Artista plástica (pintura inclusiva e acessível). Promotora do "Emprendiendo sin barreras". Usuária de cães-guia, comprometida com o objetivo do FUNDAPPAS. Convenção Militante para os direitos das pessoas com deficiências, "Nada sobre nós sem nós".

Federico Sykes - FicSor

Cineasta e Designer de Imagem e Som (Universidade de Palermo). Criador e diretor do Festival Internacional de Cinema Surdo da Argentina, FiCSor, que está a caminho de sua terceira edição. Produtor da Access Media Argentina para projetos audiovisuais acessíveis para pessoas surdas. Consultor AATI e responsável pela área audiovisual do programa "Surdo sem Violência". Professor de adaptação de material audiovisual para surdos em diferentes instituições e oficinas de cinema para surdos no ENERC-INCAA.

Mirta Noel Lezcano- Cinema Inclusivo INCAA

Responsável pela produção e administração das atividades relacionadas à acessibilidade no programa Cine Inclusion.  Trabalhou como painelista em análise sensorial no Instituto Nacional de Tecnologia Industrial.

É cantora do Coro Polifônico Nacional de Cegos e também foi atriz e cantora do Centro Argentino de Teatro de Cegos.

Damian Laplace - INCAA Cinema Inclusão

Trabalha no INCAA há mais de dez anos. Foi Coordenador de Cinema com Vizinhos, realizou diferentes tipos de tarefas de produção e atualmente é responsável pelo Cinema Inclusão.

MODERADOR

Maria Laura Ramos

Tradutora Técnico-Científica e Literária (IESLV J.R. Fernández). Mestrado em Literatura Comparada (UNLP). Coordenadora do curso de pós-graduação em Textos Audiovisuais e Acessibilidade na Escuela Normal Superior en Lenguas Vivas Sofía Broquen de Spangenberg, pioneira na formação de profissionais dedicados à acessibilidade.  Fundador de Percepciones textuales, servicios de accesibilidad a la cultura. Membro do Conselho de Administração da Associação Argentina de Tradutores e Intérpretes.

INTÉRPRETES

M. Victoria Perales

Professora de educação intercultural bilíngüe para surdos e intérprete profissional de Língua de Sinais argentina (LSA) - espanhol. Professora da Diplomatura de Extensão: Interpretação em LSA-e (FFyL- UBA). Professora de Surdos em escolas públicas bilíngües interculturais CABA. Intérprete em organizações nacionais e internacionais, no programa de TV "Seguimos Educando" do Canal Encuentro e nas atividades CAS e CADES.

Patricia Miguez

Professora de Surdos e Intérprete Técnica Superior de Língua de Sinais Argentina (LSA) - espanhol. Diplomatura de extensão: Interpretação em LSA-e (FFyL-UBA). Professora de Surdos na Escola Caipac (PBA). Intérprete da área de Educação Especial da Cidade de Buenos Aires desde 2012. Fundador da Asociación Civil Abriendo Miradas, interpretando eventos relacionados com a luta pelos direitos e a visibilidade da comunidade Surda.

Compartir en Facebook